Receitas para a hora do chá – Geleia de Pêra (hummm!)

Vida na fazenda. Pomar cheio de frutas. Fogão à lenha. Isso me dá uma ideia: geleia! (Olha, até rimou!)

Então, fiz uma deliciosa geleia de pêra. Modéstia à parte, ficou boa mesmo, de fazer hummmmm!

Eu gosto de geleia de mercado, mas geleia caseira tem outro sabor. E é super, ultra, mega-fácil de fazer. Você só precisa de tempo, porque tem que cozinhar em fogo baixo e demora bastante. Mas é só ligar o fogão e ir fazer outra coisa. Só tem que dar uma mexidinha na panela de vez em quando, pra não grudar.

geleia de pera

Ingredientes: 

– 1kg de pêras descascadas (descascar é a parte mais difícil da receita! haha)

– 300g de açúcar

– 1 limão siciliano (mas pode fazer com o nosso limãozinho verde, sem problemas)

Modo de preparo: Fáaaaacil!

Corte as pêras do tamanho desejado. Se você gosta de geleia pedaçuda, corte os pedaços grandes. Se você gosta de geleia mais tipo papinha, corte pequenininho.

Importante: NÃO TIRE AS SEMENTES E O MIOLO DA PÊRA! Por quê? Porque a pectina, substância que faz a geleia engrossar e virar geleia, está em maior concentração no miolo!

Em seguida, adicione o açúcar e tampe a panela. Deixe cozinhando em fogo baixo até reduzir bastante e virar… geleia! No fogão à lenha, foram umas 3h, porque o fogo estava bem baixinho. No elétrico, dá pra fazer em umas 2h.

Está pronto para servir! Você pode coar pra tirar as sementinhas. Pode até usar o mixer pra fazer purêzinho, se você não gostar de geleia pedaçuda (que eu adoooooro).

Já está pronto para comer! Se você não tiver uma família grande que vai comer a sua geleia rapidinho, deve tomar alguns cuidados na hora de envasar a sua geleia.

Como envasar:

A grande dica está na conservação. Você deve ferver  o pote de vidro e a tampa antes de colocar a geleia dentro, para esterilizar. Retire o pote de vidro de boca pra baixo usando um pegador. Se você tirar o pote com a boca pra cima, vai encher de bacteriazinhas dentro e aí, não adiantou nada ter esterilizado! Deixe escorrer sobre um pano bem limpo. Vire de boca pra cima só na hora de colocar a geleia dentro. Você pode conservar a geleia por meses, fora da geladeira. As bactérias não gostam de coisas muito doces, por isso, ela não estraga. Só procure manter em um lugar seco e arejado para que os fungos não ataquem seu docinho delicioso.

Eu não coloquei em potinho porque aqui, o Yasar e o Cemal comem um monte! Tudo o que eu cozinho pra eles acaba na hora! hehehe

Para fazer geleia de outras frutas:

A receita para toda geleia é basicamente a mesma. A única diferença é a quantidade de açúcar. Por exemplo, para fazer geleia de morango, que é mais azedinho, você pode colocar 500g de açúcar para 1kg. Também pode deixar a fruta descansando com o açúcar, para soltar mais água e mais sabor. Lembre de sempre colocar limão, porque ajuda na conservação.

Para que todas as suas geleias fiquem grossinhas, você deve colocar pectina. A pectina está presente em frutas cítricas, mas está em maior quantidade na maçã e na pêra. Uma dica muito boa é colocar só o miolo da maçã ou pêra dentro de um sachezinho, e cozinhar junto com a fruta escolhida para sua geleia e o açúcar. Assim, a pectina é liberada. Você também pode comprar pectina em lojas de produtos de confeitaria.

Agora mão na massa! Bom chá da tarde pra você! ❤